Diretor técnico-operacional do CISAB Região Central, Thimóteo Cézar Lima

O 6º Congresso Mineiro de Serviços Municipais de Saneamento Básico, iniciativa da Assemae Regional de Minas Gerais, entre 26 e 28 de setembro, na cidade de Pirapora (MG), contou com a participação do CISAB Região Central. A analista econômico-financeira, Cintia Vilarinho, e o diretor técnico-operacional, Thimóteo Cézar Lima, proferiram palestras para os participantes do evento.

Ao lado das representações do CISAB Zona da Mata e do CISAB Sul, Thimóteo Cézar Lima falou sobre os desafios da regulação do saneamento básico. “O Congresso em Pirapora foi uma importante oportunidade para falarmos para  os prestadores municipais de serviços de saneamento, sobre a importância da Regulação e Fiscalização como instrumento de melhoria da prestação dos serviços e para apresentarmos o Ente de Regulação e Fiscalização CISAB-RC, bem como as atividades por ele desenvolvidas desde sua constituição em julho de 2014″, enfatizou. Conforme estabelece a Lei Federal 11.445/2007, a regulação permite a fiscalização e melhoria da eficiência dos serviços de saneamento básico, considerando a independência decisória, transparência, tecnicidade, celeridade e objetividade das decisões.

Analista econômico-financeira do CISAB Região Central, Cíntia Vilarinho

Outro tema trabalhado no congresso foi o planejamento estratégico como instrumento de sustentabilidade no setor de saneamento, a partir dos princípios de gestão da qualidade. A abordagem foi feita pela analista econômico-financeira do CISAB Região Central, Cíntia Vilarinho. “Participar do 6º Congresso Mineiro dos Serviços Municipais de Saneamento Ambiental foi uma oportunidade de congregação com os demais agentes do saneamento de Minas Gerais e demonstração do papel preponderante do CISAB Região Central como ente de regulação e fiscalização”, avaliou.

Com informações e fotos da assessoria de comunicação da Assemae.